Recorde à vista: torcida do Cruzeiro esgota carga de bilhetes da Minas Arena para final

0
1033

Só restam ‘passaportes’ oferecidos pela concessionária para torcedores interessados em acompanhar todos os jogos no Mineirão até o fim do ano

Agora é definitivo: não tem mais ingresso. Todos os bilhetes colocados à venda ao torcedor celeste para final da Copa do Brasil, entre Cruzeiro e Flamengo, no próximo dia 27 (quarta-feira), às 21h45, estão esgotados. Os últimos tíquetes (cerca de 1.800) do lote disponibilizado pela Minas Arena para o setor Vermelho Inferior (R$600 a inteira e R$300 a meia) foram comercializados no início da tarde desta sexta-feira, a doze dias do grande duelo.

A última chance do torcedor interessado em acompanhar a partida e que ainda não conseguiu adquirir um bilhete é comprar uma espécie de ‘passaporte’ oferecido pela Minas Arena. Ao custo de R$800, esse cartão (são cerca de 500 disponíveis) dá direito de acompanhar todos os jogos no Gigante da Pampulha, seja de qual clube for, até o fim desta temporada. As cadeiras desta categoria também estão localizadas no setor Vermelho Inferior.

O lote de ingressos da torcida do Flamengo (5.354) é comercializado desde quarta-feira aos torcedores rubro-negros. O preço é de R$ 300 (R$ 150 meia-entrada), com taxa de conveniência de 10%, totalizando R$ 330 (R$ 165 meia). A venda acontece pelo site www.flamengo.superingresso.com.br. A retirada dos bilhetes ocorrerá na Gávea (de 23/9 a 26/9, das 10h às 20h); na Av. Borges de Medeiros, 997, bairro Lagoa, no Rio de Janeiro (de 23/9 a 26/9, das 10h às 20h); e no Ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte (somente no dia 27, das 10h às 20h).

Recorde de público?

Com o número de ingressos comercializados, o Cruzeiro tem boas chances de bater o recorde de público da história do novo Mineirão, reinaugurado em 2013 após passar por grande reforma para a Copa do Mundo de 2014. O fatídico jogo entre Brasil e Alemanha, pela semifinal do Mundial, foi o que recebeu mais espectadores: 58.141. Os alemães passearam em Belo Horizonte e venceram por 7 a 1.

Se levados em conta apenas duelos entre clubes, o recorde foi registrado na vitória do Cruzeiro sobre o Grêmio por 3 a 0, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2013 – 56.864 pagantes. Na rodada seguinte, o time celeste bateu o Vitória por 3 a 1, no Barradão, e conquistou o título nacional.

Dos 20 maiores públicos do novo Mineirão, 11 foram contabilizados em jogos entre seleções, quatro em partidas do Cruzeiro, quatro em compromissos do Atlético e um em clássico entre os arquirrivais mineiros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here